sábado, setembro 24, 2011

Buika

Para provar, sem disso necessitar, que nada tenho contra os castelhanos, na terra deles e sem nos quilharem o juizo e o resto, aqui têm a Buika, a Concha. De muito luxo:

http://youtu.be/V6m_xExwX4w

sexta-feira, setembro 23, 2011

Dia do Bar do Clube

Decorreu com grande participação o 1º Dia do Bar dos Sócios, no Clube Avela, desta vez a cargo dos sócios senhor  Veiga e senhor  Licas.
Foi servida uma extensa, rica e variada lista de bebidas e salgadinhos, que satisfez plenamente os  presentes, servidos com rapidez e competência pelos sócios da Avela acima referidos e de que o autor destas modestas linhas fez parte.
Alguma confusão se gerou entre os convivas que, pouco habituados aos espaços sociais dos bares da capital, tiveram alguma dificuldade em distinguir e saber como beber uma Piña Colada ou um Moet et Chandom, já para não falar nos Mojitos.
Mas tudo acabou em bem, com algumas acções de formação dadas pelos referidos senhores sócios e, finalmente com os nossos Amigos da ANR do Porto que, apesar de estarem a contar com a presença do corpo de baile da casa de diversão nocturna Starlight, que efectivamente não esteve presente, ficaram espantados com a forma eficiente e pródiga com que os referidos sócios geriram, esta quinta, o bar do Clube.

domingo, setembro 18, 2011

O Bar do Clube

Desenvolvendo uma ideia que, não sendo minha, adoptei de alma e coração, propuz-me a gerir o Bar da Avela um dia por semana, sendo o apuro, naturalmente, pertença do Clube.

Assim, na próxima quinta feira, será este vosso amigo a gerir o Bar, sendo o seguinte Menu que vou apresentar, tudo a preços módicos e acessíveis.

Bebidas:
Mojito
Cuba Livre
Gin Tónico
Piña Colada
Bloody Mary
Caipirinha
Wisky (mas de Malte)

Salgadinhos:
Moelinhas
Pica pau
Iscas de cebolada
Tábua de queijos
Empalhada
Pipocas salgadas
Vichésoise

Espero que gostem e, gostando, acorram ao Bar da Avela em massa, pois assim contribuirão para as finanças do Clube e para a aquisição duma nova máquina de finos para o nosso Bar.

quinta-feira, setembro 15, 2011

Cruzeiro de Outono

Cambada,
Eis aqui o Programa do Cruzeiro de Outono:

Dia 1 Outubro / Sábado
Largada ETD 0900 – Aveiro
ETA 1600 - Porto/Douro
Jantar na Ribeira




Dia 2 Outubro / Domingo
ETD Douro 0500
ETA Viana do Castelo 1200
Almoço
Visita ao Gil Eanes
Regresso a Aveiro de CP ou de Autopulman, conforme os inscritos




Dia 4 de Outubro/Terça
Ao fim da tarde Viagem para V Castelo de comboio ou autopulman
Patuscada de Gala




Dia 5 de Outubro/Quarta
ETD 0600 V Castelo
ETA Aveiro 1600
(nesta pernada, ou em qualquer outra, os participantes pararão e arribarão onde muito bem lhes aprouver)

segunda-feira, setembro 12, 2011

Bety

Hoje ao almoço, depois, tive de ir a Aveiro. No Canal das Pirâmides estava atracada a Bety.

domingo, setembro 11, 2011

A Faina

Com uma tripulação com origens nas mais ilustres familias marinheiras da nossa Ria, largou donairoso o NVV Veronique para a faina este sábado, acabando por fundear em São Jacinto, a uns larguíssimos 15 metros, 14.7 metros vá, da Base Militar altamente secreta e operacional que alí se situa.
Não eram passados 25 minutos quando um garboso militar nos comunicou a 'ordem superior' para dalí sairmos, pois estavamos a 'atentar contra a segurança da base' !!!
Ora na minha tripulação não havia nenhum árabe, nem mesmo nenhum benfiquista, pelo que não entendemos a ordem.
As armas que dispunhamos eram, apesar de perigosas, é certo, apenas um bacalhau abanado, duas duzias de rissóis de leitão, um quilo de gambas já cozidas, meia garrafa de água das pedras, duas caixas de Diamante Negro bruto e quatro caixas de Rota da Vila Douro 2005. (Ahh !!, também tinhamos uma Blue Saphire para os Gins Técnicos).
Para além disso, o garboso militar envergava um camuflado, o que dificultava a sua visibilidade no meio da densa mata de estramagueiras que protege a ultra secreta base, onde Portugal guarda os seus misseis continentais, para além da extensa garrafeira do senhor comandante.
Bem, como respeitadores que somos das 'ordens superiores', suspendemos e fomos à emposta, um pouco mais a norte, mesmo em frente ao terminal do ferry.
E bem valeu a manobra, pois a faina rendeu uma taínha de pinta amarela, sete douradas, quinze douradinhas, quatro ruivos, dois robalos, cinco jaquinzinhos e uma choupa.
E bem os fritei hoje, com uma molhanga escabéchica, tudo acompanhado por umas Alvarinho de estalo e uma aletria da Dona Zerinhas, bem merdaleira como eu gosto.

quinta-feira, setembro 08, 2011

Correu Mal

Correu mesmo mal.
Com um problema de pilhas velhas e babadas no meu GPS no Inverno passado, perdi a memória do caminho das pedras no Canal de Ovar para Norte do Muranzel.
Resultado, com uma visibilidade inferior a 30 metros, chegado lá, ao Muranzel, decidi parar, ficar por alí, fundear e, já agora, jantar.
Fica o São Paio para o ano, com grande pena minha e da minha tripulação, mas era de facto arriscado ter seguido para Norte sem referencias em terra ou nos aparelhos.
A probabilidade de encalhar era superior a 1 (novo conceito matemático criado agorinha mesmo)
Restou a 'tomatada de gambas aux fines herbes' e a 'raia de pitau em leito de azeite aromatizado' apresentadas  pelo Bolha e os 'panadinhos de porc au pain ralé' do meu primo, seguidos pelos sempre deliciosos pasteis de Vouzela e pelas trouxas de ovos de Rio Maior, tudo acompanhado por um tinto de excelência do primo abade do meu médico particular.

quarta-feira, setembro 07, 2011

Espanhol ? O que é o espanhol ?

"...
HOla! ¡Moi boas!

VOs convido a participar no curso de nós mariñeiros (gratuito) que organizamos na Asociación de Embarcacións Tradicionais Remadoira.
Terá lugar o xoves 9 e venres 10 de sembro, na carpa da Festa do Marisco do Berbés, no porto de Vigo.
Repasaremos os nós básicos e indispensables no mar, para logo adentrarnos no apaixonante mundo dos nós planos, de trailla, cadenetas,etc.
Un dibertido pasatempos que ten unha ampla aplicación práctica.
Mentras nós anudamos, os máis pequenos poden desenvolver a súa creatividade no concurso de debuxo.
Animádevos e vémonos na Festa do Marisco, na dársena do Berbés.
Un saudo, e porfavor, pásao a quen creas que lle pode interesar.


¡ Graciñas!
..."

Email de convite da nossa Amiga Marinheira Galega Luisa Nuñes.

terça-feira, setembro 06, 2011

São Paio da Torreira

Já foi, talvez ainda seja, a grande festa da Ria.
O NVV Veronique participou na nova versão da excursão fluvial à festa até que o assoreamento dos canais e da Marina da Torreira o impossibilitaram.
Foram tempos giros em que as tripulações dos diferentes barcos e das diferentes proveniências confraternizavam e trocavam farnéis, como os moliceiros e barcas de antigamente.

Desta vez vamos lá tentar chegar, vamos  ver como corre.
Entrar na Marina é para esquecer, mas fundear ao largo do Monte Branco e ir a terra de dingy talvez funcione.

Largamos da Lota Velha pelas 2000 de quarta feira, com a maré, e regressamos logo a seguir ao fogo, com a maré também.
Navegação quase totalmente pelos aparelhos.

O Veronique não é um moliceiro, tem dois metros abaixo da linha de água.
A passagem do emissário-emerdário é manhosa, mesmo entre as boias bombordo/estibordo o fundo não é de fiar e tem pedras.
Depois, até ao Muranzel, a viagem é calma, com  sondas de 6 metros e mais.
A Norte do Muranzel, das cinco estacas indicadoras da Cale, resta uma (!!!!).
Mas pagamos as taxas de farolagem-balizagem, ah pois é!!!

Com sorte, e saber,  não tocaremos no fundo.

Wish me luck.

Censurada

Confesso que não sei trabalhar com essa tralha do facebook, e a verdade é que também não lhe acho muita piada.
Ontem aderi a um grupo que partilha fotografias da Ria de Aveiro e publiquei a fotografia acima, tirada de madrugada perto do local onde moro, numa maré viva transbordante.
Esteve lá 15 minutos, depois foi apagada pelos  senhores administradores.
Não terá grande qualidade, é certo, mas a maioria das que lá estão são fotos tipo 'familia' onde as figuras locais  se mostram umas às outras.
Nada que eu não faça no Ventosga com as minhas fotografias, mas o Ventosga não é um grupo social onde quem quer publica o que quizer, o Ventosga é um espaço meu onde eu 'amando umas bocarras'.
Nada também que eu já não esperasse, vindo de quem veio.

Ainda vou escrever umas 'bocarras'  sobre isso.

segunda-feira, setembro 05, 2011

Finalmente....

"...
Ich habe meine VIII.vollendet - es ist das Große, was ich bis jetzt gemacht /.../ Denken Sie sich, daß  Universum zu tÖnen und zu klingen beginnt. Es sind nicht meher menschliche Stimmen, sondern Planeten und Sonnen, welche kreisen...
..."

O Ventosga não é só Mar e Ria, ou talvez seja isso mesmo, talvez a Musica deste tipo seja ela também a nossa Ria e o nosso Mar.
Esperava uma boa gravação da VIII do Gustavo há já alguns meses. Chegou hoje.
É do outro Mundo.

[ Citty of Birmingham Symphony Orchestra and Chorus, London Symphony Chorus, City of Birmingham Youth Chorus and Toronto Children's Chorus.
Sopranos: Christine Brewer, Soile Isokoski, Juliane Banse;
Mezzo-sopranos: Birgit Remmert, Jane Henschel;
Baritone : David Wilson-Johnson;
Tenor: Jon Villars;
Bass: John Relyea;
Direction of Orchestra: Sir Simon Rattle ]