quarta-feira, fevereiro 24, 2010

Os Contentores

"...
A carga pronta metida nos contentores
Adeus aos meus amores que me vou
P'ra outro mundo
É uma escolha que se faz
O passado foi lá atrás
..."

sexta-feira, fevereiro 19, 2010

A sério agora

Esta semana foi trágica para as gentes do Mar.
Começou com dois naufragos nos mares da Aguda, depois outros dois na Apúlia, continuou com quatro a sul do Cabo Carvoeiro e agora o Concórdia no Brasil.
(fotos do JN)

terça-feira, fevereiro 16, 2010

sexta-feira, fevereiro 12, 2010

O NVV Veronique

Já em seco, para a tradicional época de fabricos, o mais esbelto veleiro do Universo, quiçá mesmo o mais esbelto de Aveiro.
(reparem na excelência deste 'quase sem luz', a fazer inveja ao melhor que o Bolha já publicou)

quinta-feira, fevereiro 11, 2010

Iniciou-se a época de fabricos

A rapaziada da Avela tirou as embarcações da água no sábado passado. Por mim, como a opção foi diferente, tirei hoje o NVV Veronique.
Levei-o ao principio da tarde do trapiche da Lota Velha até à Naval Ria, onde o entreguei mais as respectivas chaves.
Pelo caminho, feito num canal de águas calmas, sem vento nem corrente, duas testemunhas do nosso país de marinheiros.
O Capricórnio, das investigações das pescas, e o Anamar que tombou no cais há uns anos e por lá ficou até o trazem para aqui para desmantelar.
(Noticias divulgadas posteriormente à publicação deste post dão esta embarcação, 'Capricórnio' , como associada a badaladas movimentações politico-partidárias-sucativas.
Fica aqui a minha declaração de que nada tenho ver, nem com as movimentações, nem com as notícias)

quarta-feira, fevereiro 10, 2010

Du cotê de chez moi (fev2010)

Este blog anda cada vez mais avacalhado, que é como quem diz, arrobalado.
Viver-se neste fim do mundo tem as desvantagens de não se ter uma oferta cultural de relevo, daí o 'avacalhado' deste blog.
Tem, no entanto, inumeras outras vantagens, das quais destaco a inebriante entourage paisagistica e também a entourage Humana, desde o João Peixeiro que nos arranja umas pescadinhas do alto, até à recente aquisição, a Gracinha, que no fim de semana passado nos trouxe um robalão com 6 quilos e ontem outros dois, com um quilo e uns trocos cada um, feitinhos no forno com uma molhanga de acordar mortos, a raiar a excelência.
Se só com o cheiro malhei duas garrafinhas, imaginem com o resto.
E, para rematar, nada como citar o poeta, até para manter o estilo:
"...
Há quem lhe chupe a cabeça
Outros perferem a posta
Cá por mim como-lhe o rabo
Cada um como o que gosta
..."

domingo, fevereiro 07, 2010

Um fim de semana movimentado

Decorreu de forma animada a conferência do Companheiro e Amigo Rogério Chumbinho sobre o sistema de abono da ANC.
Presentes todos os Clubes Náuticos da nossa Ria, de Ovar a Mira, num total de 23 participantes.
Destaco a presença da malta da NADO, do David Calão do CVCN, do Delmar Conde da ANGE, da rapaziada dos Vougas e até da Avela, numa clara demonstração que aquilo que une os Homens do Mar é muito mais importante que tudo o resto sobre o qual discutem.
Estes ultimos, os da Avela, colocaram ao conferencista as mais pertinentes questões, porque, em seu entender, uma embarcação com um fogão com dois bicos não poderia ter o mesmo rating que outra só com um bico, embora esta com frigorifico.
Lamentável ponto de vista, porque, como é do senso comum, um frigorifico, sobretudo quando cheio de meias cervejinhas, provoca na embarcação um andamento muito superior.

No sábado, já refeitos do esforço conferencista da véspera, aproveitaram para tirar as embarcações para seco, começa assim oficialmente a época dos fabricos.

Também pertinente foi a questão colocada pelo Sr António Pardal sobre o Boavista Rádio Controlo, que, vergonhosamente, quase ninguém conhecia. Aqui fica a imagem do centro de controlo da Boavista, indicativo de chamada: Boavista Rádio Controlo.


Esta última fotografia não é mais que o carrego, praticamente uma arroba, de separatas verdes, o Regimento do Astrolábio e dois códices em Português que eu me vejo à rasca para ler, e que neste momento fazem as minhas delícias de leitura, graças à Inês e ao Ulisses, a quem tive de pagar um robalo do mar para me cederem estas preciosidades.

quarta-feira, fevereiro 03, 2010

Nós já sabiamos

Do Diário de Aveiro de hoje:
"...
Representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Função Pública do Centro (STFPC) foram recebidos na segunda-feira no Ministério da Economia, em Lisboa, para voltar a reivindicar o regresso da sede da Direcção Regional de Economia do Centro (DREC) a Coimbra, de onde em 2009 se mudou para Aveiro. Mas a pressão sobre a tutela foi infrutífera, revelou ontem a sindicalista Marly Antunes. Segundo a porta-voz do STFPC, o Ministério da Economia, agora liderado por Vieira da Silva, não cedeu à exigência de devolver aquele organismo a Coimbra. “A decisão de não revogar o anterior despacho é lamentável e uma teimosia do Governo na linha da sua habitual arrogância. É uma derrota para o país”, afirmou. A representante do sindicato sustenta que a nova sede da DREC tem conhecido um “número ridículo” de atendimentos. Além disso, acrescenta, “todos” os processos iniciados em Aveiro têm de ser concluídos em Coimbra, por falta de condições na sede. “Tem sido uma experiência ruinosa. É um desperdício inadmissível de meios materiais e humanos”, avalia Marly Antunes, que defende o retorno do organismo a Coimbra e a criação de um balcão de atendimento em Aveiro.
..."
E porque não um balcão de atendimento em coimbra?? Uma vez que o tecido industrial de Aveiro é muito superior ao de coimbra??
Ficámos a saber que o país teve uma derrota por a DRE"C" estar em Aveiro, donde se deduz que Aveiro não pertence ao mesmo país que coimbra.
Já suspeitávamos, agora ficámos a saber.